A Luta

Taquara: Médicos do Hospital Bom Jesus seguem sem condições de trabalho e com salários atrasados

26/10/2017 17:15

Foto: Camila Ferro
Fachada do Hospital Bom jesus, em Taquara. Foto: Camila Ferro
Na tarde da última quarta-feira (25) representantes do SIMERS se reuniram novamente com os médicos do Hospital Bom Jesus, de Taquara.  Durante o encontro, os especialistas afirmaram que a situação caótica de falta de estrutura para exercer a medicina, envolvendo a falta de material básico, continua. Além disso, o Instituto Saúde e Educação Vida (ISEV), mantenedora do hospital desde abril de 2016, não paga os salários há mais de quatro meses. Diante de todos esses problemas que seguem no Hospital Bom Jesus, o SIMERS irá marcar agenda com o presidente do Conselho Regional de Medicina (CREMERS), Fernando Matos para pedir providências, como a apuração de infração ética.  A entidade médica também irá solicitar reunião com o Instituto Gestor.  Até o momento, cinco médicos tiveram seus contratos rescindidos. Na próxima terça-feira (31), o SIMERS terá reunião no Conselho Municipal da Saúde de Taquara para tratar das questões da saúde do município, especificamente envolvendo a situação enfrentada no hospital Bom Jesus, e prejudicando o atendimento a população.
SEGUROS