A Luta

Nada de preconceito com os idosos

23/08/2017 17:00

Foto: Divulgação Simers
Foto: Divulgação Simers
O uso de fraldas, óculos e bengala na terceira idade foi um dos temas abordados na terça-feira (22) pela diretora do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS) Gisele Lobato, na sede da Associação Brasileira em Defesa dos Usuários de Sistemas de Saúde (Abrasus), no centro de Porto Alegre. O assunto, que ainda é visto por alguns idosos como um tabu, segundo a médica nefrologista, deve ser enfrentado com naturalidade. “Muitos têm restrição e a idade também tem suas limitações, mas é preciso falar sobre esse assunto, pois mito tocado é mito desfeito”, disse. O bate-papo seguiu com o médico Oly Lobato, que além de citar o assunto do preconceito, trouxe aos presentes o cuidado que eles devem ter com a sua saúde. Seja com exercícios físicos, alimentação e relaxamento. “É fundamental beber muita água, praticar algum exercício, nem que seja caminhar dentro de casa e cuidar da alimentação”, afirmou.
Foto: Divulgação/SIMERS
Foto: Divulgação/SIMERS
Conforme o médico, hoje as pessoas não sentem nem mais o gosto da comida, é um olho no prato e o outro no celular. É preciso parar e observar o que estão fazendo para que possam ter uma melhor qualidade de vida.
SEGUROS