A Luta

Gestão garante pagamento e médicos retomam atividades em Taquara

23/03/2016 15:44

Após intensa negociação do Sindicato Médico do RS (SIMERS), a prefeitura de Taquara e o Sistema de Saúde Mãe de Deus assumiram o compromisso de quitar os honorários médicos dos profissionais do corpo clínico do Hospital Bom Jesus. Diante da proposta, os médicos retomaram as atividades que estavam suspensas desde o dia 07 de março . Os valores em atraso correspondem aos meses de novembro (débito de 40%), dezembro, janeiro e fevereiro. O SIMERS realizou diversas tentativas de negociar e evitar a paralisação. Foi dado aviso prévio de 30 dias à administração, prazo que se esgotou em 21 de fevereiro. Mesmo sem resposta, os médicos resolveram manter a assistência, que foi interrompida apenas por total falta de perspectiva dos pagamentos. Esta semana, o Sistema de Saúde Mãe de Deus, até então responsável pela casa de saúde, reiterou o compromisso de honrar a dívida com os médicos. Na tarde de segunda-feira (21), a administração municipal anunciou a mudança na gestão do Hospital Bom Jesus. A partir do dia 15 de abril, o Instituto de Saúde e Educação Vida (ISEV), de Porto Alegre, assumirá a instituição.

Médicos criam Associação Médica

Os médicos do corpo clínico da instituição fundaram, em assembleia geral no dia 15, a Associação dos Médicos do Hospital Bom Jesus. São cerca de 40 profissionais, nas especialidades de anestesia, clínica geral, traumatologia, cirurgia geral, terapia intensiva/emergência, pediatria, ginecologia/obstetrícia, otorrinolaringologia, oncologia e psiquiatria.
SEGUROS