A Luta

Simers em defesa dos médicos do PACS

09/10/2020



O Simers está atento às condições de trabalho dos médicos que atuam no Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul (PACS), cujos serviços são terceirizados pelo Executivo Municipal. Nesta semana, a entidade médica recebeu a denúncia de que a empresa responsável pela prestação de serviços não está seguindo a escala adequada de atividades para atendimento ao público no local. A informação é de que, no último final de semana, os médicos se redobraram sozinhos em um plantão que acumulava mais de vinte pessoas na fila de espera por atendimento, com os indesejados riscos que a pandemia do coronavírus oferece. 

O Simers busca esclarecimentos sobre o fato e destaca a necessidade de monitoramento permanente, com o objetivo de evitar transtornos e promover a segurança dos médicos atuantes e comprometidos com a saúde dos pacientes. A entidade destaca a importância das denúncias para que sejam feitos os encaminhamentos cabíveis para pedidos de melhorias, reforçando a atenção ao trabalho do médico e à saúde da população. O Simers recomenda aos profissionais que, em qualquer situação adversa à normalidade de escala, contrato, relações e condições do trabalho, sejam encaminhados os relatos ou alertas pelo e-mail: denuncia@simers.org.br.

Sobre o tema, foi publicado um Apedido, nesta sexta-feira (9), na edição do jornal Correio do Povo, de circulação estadual. Confira o texto abaixo:




SEGUROS