Defesa

Médicos que atuam no Hospital da BM em Santa Maria devem entrar em greve dia 1º

22/02/2018

Os médicos que atuam no Hospital da Brigada Militar em Santa Maria, vinculados à empresa Conplan, decidiram nesta quarta-feira (21), em assembleia, entrar em greve a partir das 6h45 do próximo dia 1º de março. A paralisação só não irá ocorrer se a empresa efetuar o pagamento corrigido das remunerações em atraso. O encontro foi promovido pelo Simers, em conjunto com o Sindomed.
Os profissionais estão sem receber salários desde dezembro de 2017, além de parte do 13º salário do ano passado. Por causa disso, foi criada uma comissão com três profissionais para tratar dos valores  pendentes.


Falta de condições de trabalho


Também foi definido no encontro que as duas entidades médicas vão notificar a BM e a Conplan sobre a falta de equipamentos e de condições de trabalho relatadas pelos médicos. Há problemas nos aparelhos de raio X, demora nos exames laboratoriais e a falta da adoção da escala de Manchester para o atendimento dos pacientes.
SEGUROS