A Luta

Simers lamenta fim do processo de extinção do Imesf

24/09/2020


Com a transferência da gestão de mais 61 postos de saúde a instituições privadas até novembro (totalizando 104 unidades), anunciada na quinta-feira (24), a administração municipal de Porto Alegre finaliza o processo de extinção do Instituto Municipal da Estratégia de Saúde da Família (Imesf). 

Desde o anúncio feito pelo prefeito Nelson Marchezan, há mais de um ano, o Simers vê com preocupação o futuro da saúde pública da Capital. Ao longo dos meses, a entidade atuou de forma enérgica para reverter a situação, pois acredita que a demissão de 1.840 funcionários (entre eles, 73 médicos) impactará de forma negativa a assistência de saúde à população

Além disso, esta resolução compromete a relação de quase 10 anos entre estes profissionais e seus pacientes. As novas Clínicas da Família serão centralizadoras de serviços, dificultando o acesso dos médicos às áreas mais distantes e afastando-os da população mais vulnerável.

SEGUROS