Defesa

SIMERS ALERTA: redução no número de médicos ameaça assistência no Hospital Centenário, de São Leopoldo

21/08/2019

Pacientes que buscarem assistência na emergência do Hospital Centenário, de São Leopoldo, nos próximos dias, poderão encontrar restrições no atendimento. O motivo é a carência de médicos em virtude da negativa da administração do hospital em contratar substitutos por meio de Recibo de Pagamentos a Autônomos (RPA).

Normalmente, o plantão é realizado por três médicos. Porém, conforme denúncia recebida pelo Simers, apenas dois profissionais aparecem nas escalas das próximas 36 horas. Segundo a prefeitura, não haveria recursos para contratação de, pelo menos, mais um médico.

Assim, nos próximos plantões apenas dois clínicos atenderão em quatro frentes da emergência – salas de politraumatizados, de observação, de medicamentos e “porta aberta” (demandas espontâneas).

SEGUROS