Defesa

Simers alerta para os perigos da divulgação de fake news sobre a Covid-19

27/03/2020

Simers recomenda buscar informações em fontes confiáveis

Simers recomenda buscar informações em fontes confiáveis

Tão importante quanto fazer tudo que estiver ao seu alcance para evitar a disseminação de um vírus ainda sem remédio é a propagação de informações falsas sobre o assunto. Preocupado com as consequências das fake news para a saúde pública, especialmente neste delicado momento de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Simers pede que todos redobrem a atenção ao ler e compartilhar notícias, imagens e vídeos sobre o tema.

Ao desconfiar de que algum material que você tenha recebido por meio de suas redes virtuais, busque orientação em fontes oficiais: veículos de credibilidade, órgãos de saúde e profissionais da área. O Ministério da Saúde (MS), por exemplo, tem um canal via WhatsApp, pelo número (61) 99289-4640, por meio do qual todo cidadão pode enviar materiais para confirmação da procedência antes de continuar compartilhando.

Além disso, o MS lançou o app Coronavírus-SUS, com informativos de diversos tópicos –  sintomas, prevenção, o que fazer em caso de suspeita e infecção, etc. –  e encaminhamento rápido para unidades de saúde próximas.

Lembre-se: Você é responsável pela informação que passa para frente!

Fique atento:

– Ao receber uma matéria online sobre o tema, verifique a fonte e o autor: informe-se sobre a origem da notícia e onde está publicada. Pesquise se o veículo existe e é confiável.

– Leia sempre a notícia inteira e certifique-se de que a chamada condiz com o conteúdo.

 – Confirme sempre antes de repassar qualquer informação. 

– Fake News pode matar!

SEGUROS