Defesa

Simers discute sobreavisos no Hospital Santo Ângelo

12/08/2019

Encontro ocorreu na sede do hospital

Encontro ocorreu na sede do hospital

Um impasse envolvendo o serviço de sobreaviso no Hospital Santo Ângelo, na cidade de Santo Ângelo, motivou uma reunião na quinta-feira (8) entre representantes do Simers e do corpo clínico do hospital. O sindicato esteve representado pelo diretor Filipi Becker e pelo delegado local, Flávio Christensen, além do assessor político Leandro Melo e do assessor jurídico Conrado Genio.

No encontro, os médicos relataram que a administração do hospital pretende transformar o serviço de sobreaviso de sete especialidades em um sistema de atendimento por chamada. Dessa forma, não haveria cobertura em tempo integral dos plantões, o que causaria desassistência na saúde do município. A proposta ainda não foi formalizada, mas os profissionais demonstraram preocupação e acionaram o Simers. 

Ficou definido que o sindicato entregará à administração uma proposta que garanta o atendimento à população e mantenha o direito dos médicos. Além disso, será formada uma comissão com representantes do Simers e do Cremers para fazer a interlocução com a direção do hospital. 

O diretor do Simers, Filipi Becker, ressaltou que a união dos médicos é fundamental. “Nosso objetivo principal é preservar o direito da população a um atendimento médico de qualidade”, afirmou. 

SEGUROS