A Medicina

Médico da Capital doa camas ginecológicas e acessórios para a Santa Casa de Bagé através do MUHM

06/06/2019


O Museu da História da Medicina do Rio Grande do Sul (MUHM), realizou a intermediação da doação de duas camas ginecológicas e acessórios para a Santa Casa de Bagé. O material  foi doado pelo médico Henrique Sarmento Barata, que, após o encerramento das suas atividades profissionais, contatou o MUHM para realizar a doação de objetos e documentos históricos, o que estava de acordo com a missão do Museu foi selecionado e deu entrada na instituição. 

No entanto, a equipe da instituição salientou que duas camas ginecológicas não se encaixavam na condição de acervo histórico e estavam em condições para uso clínico e que, portanto, poderiam ser doadas a alguma instituição de saúde. Desta forma o Simers foi contatado e, com a participação do Diretor de Interior, Fernando Uberti, constatou que a Santa Casa de Bagé seria um local adequado para receber a doação, que seria recebida pela coordenadora do Centro Obstétrico, Terezinha Ricaldone. 

O material foi coletado no consultório do médico em Porto Alegre no final de abril e entregue em Bagé dias depois. O Simers se responsabilizou pela logística e custos de transporte das peças. 

Para Terezinha Ricaldone, a doação é importante para reforçar o suporte aos atendimentos. “Os hospitais ainda dependem de auxílio da comunidade e essa doação do Simers ajuda um dos pontos com maior demanda para a região que é a obstetrícia”, salientou. O provedor da Santa Casa, o otorrinolaringologista Aírton Lacerda, fez um agradecimento especial ao Dr. Barata: "A generosidade deste médico nos sensibiliza. Seu legado continuará nos corredores da Santa Casa", observou.

O Diretor de Projetos Especiais do Simers, Vinicius Souza, ressaltou a importância dessa iniciativa: “O médico, por definição, é um agente de transformação social. Quando esta capacidade é extrapolada para além da esfera profissional, temos ações como esta” afirmou.

SEGUROS