Anorexia também ataca os homens

foto:Shutterstock

Foto:Shutterstock

São recorrentes as notícias sobre mulheres que sofrem com a anorexia. O que pouca gente sabe é que esta doença silenciosa, provocada por uma série de gatilhos psicológicos, também ocorre entre os homens. Conforme as pesquisas, cerca de 10% dos casos de anorexia são diagnosticados em pacientes do sexo masculino.

Preocupação excessiva com o peso, autoimagem distorcida, disfunções no intestino e no estômago – esses são alguns dos sintomas causados pela anorexia. Sem o devido tratamento, o transtorno provoca alterações no metabolismo e males como a braquicardia (diminuição da frequência cardíaca) e a esterilidade. “Em estágios mais críticos, o jovem está mais propenso a ter diabetes e problemas de tireoide. Caso não seja tratado logo, pode ir a óbito – e isso vale tanto para homens quanto mulheres”, afirma a médica psiquiatra Carla Bicca.

Nos homens, diz ela, a doença pode ser desenvolvida a partir de um trauma ou da dificuldade de lidar com a sexualidade. “Especialmente na fase em que eles se tornam sexualmente ativos, quando querem ficar mais atraentes para falar com as meninas”, conta Carla. A complexidade dos novos tempos e a exposição das redes sociais são alguns dos fatores que contribuem para ampliar o número de casos, diz ela. “Hoje, o culto ao corpo é muito maior.”

O tratamento envolve psicoterapia e medicamentos. Dependendo do estágio da doença, porém, o paciente pode demandar internação. “O mais importante é entender que homens também podem ter anorexia”, entende Carla. Às pessoas próximas, a recomendação é de que fiquem atentas aos sintomas mais visíveis, como a rejeição à comida. A psiquiatra também salienta que existem casos em que pacientes curados da anorexia sofram com pancreatite ou migrem para o outro extremo dos distúrbios alimentares – a obesidade. Por isso, a reposição alimentar precisa ser gradual.